Mayday Desastres Aéreos – T05E08 – Alerta Ignorado – Birgenair 301

O Birgenair Voo 301 sofreu um acidente fatal em 6 de fevereiro de 1996, quando um Boeing 757-200 decolou do Aeroporto Internacional Gregorio Luperón, na República Dominicana, com destino à Alemanha. Todos os 189 passageiros e tripulantes a bordo morreram no acidente, tornando-o o desastre aéreo mais mortal envolvendo um Boeing 757. A investigação apontou falhas nos sensores de velocidade do ar como a principal causa do acidente, o que levou a melhorias nas diretrizes de manutenção e treinamento para as tripulações de voo.


Introdução ao Acidente Birgenair Voo 301

O Acidente Birgenair Voo 301 ocorreu em 6 de fevereiro de 1996, quando um Boeing 757-200 caiu logo após a decolagem, resultando na morte de todos os 189 passageiros e tripulantes a bordo.

Causa do Acidente: Sensores de Velocidade

A investigação do Acidente Birgenair Voo 301 identificou falhas nos sensores de velocidade do ar como a principal causa do acidente. A falha ocorreu devido ao congelamento de um dos tubos de Pitot, que levou a leituras incorretas de velocidade e, consequentemente, à perda de controle da aeronave.

Melhorias na Manutenção e Treinamento

Como resultado do Acidente Birgenair Voo 301, a indústria da aviação implementou melhorias nas diretrizes de manutenção e treinamento das tripulações de voo. Essas mudanças foram projetadas para evitar futuros acidentes causados por falhas em sensores de velocidade do ar.

Legado do Acidente Birgenair Voo 301

O trágico Acidente Birgenair Voo 301 destaca a importância de manter a integridade dos sistemas de aeronaves e o treinamento adequado das tripulações de voo. As lições aprendidas com esse acidente continuam a moldar a segurança na aviação atual.

Leia mais sobre o Acidente Birgenair Voo 301 (em inglês)

5 comentários em “Mayday Desastres Aéreos – T05E08 – Alerta Ignorado – Birgenair 301”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to Top