Mayday Desastres Aéreos – T14E01 – Falha Total no Motor – British Midland 92

O Desastre Aéreo de Kegworth ocorreu em 8 de janeiro de 1989, quando o Voo British Midland 92, um Boeing 737-400, caiu na autoestrada M1, perto de Kegworth, Leicestershire, Inglaterra. Dos 126 passageiros e tripulantes a bordo, 47 morreram e 74 ficaram gravemente feridos. A investigação apontou que o acidente foi causado por erro humano na identificação e resposta a um problema no motor, levando a uma perda de potência em ambos os motores e a consequente queda do avião. O desastre resultou em mudanças significativas na formação e comunicação de tripulações de voo.


Introdução ao Desastre Aéreo Kegworth

O trágico Desastre Aéreo Kegworth envolveu um Boeing 737-400 que caiu na autoestrada M1 em 1989, resultando em 47 mortes.

Causas do Desastre Aéreo Kegworth

A investigação do Desastre Aéreo Kegworth atribuiu a causa do acidente a um erro humano na identificação e resposta a um problema no motor.

Sobreviventes e vítimas

No Desastre Aéreo Kegworth, dos 126 passageiros e tripulantes a bordo, 47 perderam a vida e 74 ficaram gravemente feridos.

Impacto na aviação comercial

O Desastre Aéreo Kegworth teve um impacto significativo na formação e comunicação de tripulações de voo em todo o mundo.

Legado do Desastre Aéreo Kegworth

O legado do Desastre Aéreo Kegworth destaca a importância da atenção aos detalhes e da comunicação eficaz na aviação.

Leia mais sobre o Desastre Aéreo Kegworth (em inglês)

2 comentários em “Mayday Desastres Aéreos – T14E01 – Falha Total no Motor – British Midland 92”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to Top